segunda-feira, 15 de agosto de 2011

Soneto ao festejo que fez Junot em Lisboa pelos anos de Bonaparte





Soneto de Ópio


De Soléques, Meliques, Trapalóques,
Sulfúrios, sulfurantes, sulfurados,
Rotundos, salitrosos, carvonados,
Bum, bum, bum, bum, ressoam címbaloques;

Espaventos flamantes, trapiquoques, 
Imbeles, infecundos, insolados,
Xenofes, Xenofontes, Xenofados,
Tripudiam berliques e berloques,

Strangurio, scalponio, figurato, 
Gerivásio de gimbo, que gambeia
No Zimbório de Boreas, boreato.

Eis aqui o primor com que se arreia
O dia natalício celebrato 
De um tal Napoleão em terra alheia.


Sem comentários:

Enviar um comentário