segunda-feira, 2 de maio de 2011

Número de mortos, feridos e extraviados a 2 de Maio de 1808, em Madrid


As primeiras contagens das vítimas dos distúrbios de 2 de Maio em Madrid, recolhidas pelas autoridades de cada quartel da capital espanhola, foram levadas ao Conselho de Castela logo a 14 de Maio, dia em que se verificou que tinham sido 104 os espanhóis mortos, havendo a somar 54 feridos e 35 desaparecidos. Como se pode ver no seguinte quadro, muito maior era o número de vítimas francesas. 





Segundo contagens posteriores, estabelecidas a partir de documentos de arquivos militares, camarários, paroquiais e hospitalares de Madrid, estes números ascenderiam, da parte dos espanhóis, a 409 mortos e 171 feridos [Cf. D. Juan Pérez de Guzmán Y Gallo, El dos de mayo de 1808 en Madrid. Relación Histórica Documentada- Vol. II, Madrid, Establecimiento Tipográfico «Sucesores de Rivadeneyra», 1908, pp. 641 e ss. (Apéndice cuarto)].

Ainda assim, bem longe estão estes últimos números daqueles mais de 10.000 mortos anunciados logo em 1808 pela propaganda anti-francesa...

Sem comentários:

Enviar um comentário