quarta-feira, 13 de julho de 2011

Boletim n.º 4 do Exército [francês] de Portugal (13 de Julho de 1808)




[Fonte: 2.º Supplemento à Gazeta de Lisboa, n.º 27, 14 de Julho de 1808].




_________________________________________________________________


Errata: 

Na 10.ª linha e seguinte da última folha deste boletim, onde se lê "tão cheios de gravidade", deve-se antes ler "tão cheios de generosidade" (correcção feita na Gazeta de Lisboa, n.º 28, 18 de Julho de 1808).

Em relação aos topónimos (algumas vezes completamente desfigurados nas fontes francesas e inglesas), devem ser feitos dois reparos: Serpentina não é mais do que a aldeia de Souro Pires (concelho de Pinhel) [ver a este respeito Adelino Gomes, "A Primeira Invasão - Os Massacres", in jornal Público de 18 de Novembro de 2007]; enquanto que Cortisada é o vale da Cortiçada (não confundir com topónimos semelhantes ou homónimos), situado pouco abaixo da vila da Sertã, perto da Cumeada.

Sem comentários:

Enviar um comentário